sexta-feira, 13 de julho de 2012

Dúvidas DESENVOLVIMENTO

O texto foi retirado da revista Crescer...


Meu filho tem nove meses e ainda não engatinha, enquanto os amiguinhos dele já. O que faço?
Variações no desenvolvimento dos bebês são normais. Afinal, cada criança tem seu ritmo próprio. Para estimular o engatinhar, deixe a criança em chão firme (superfícies com edredons e cobertores atrapalham) e espalhe brinquedos que se movimentam (como bolas e carrinhos). Ela provavelmente vai tentar alcançá-los. Mas é importante lembrar que alguns bebês pulam essa etapa e simplesmente aprendem a caminhar antes.


Meu filho é grande e as pernas estão encolhidas no bebê conforto do carro. Posso virá-lo para frente?
Se ele já tiver atingido os 10 kg, tudo bem. Pois a recomendação é que esse tipo de assento infantil seja usado no banco traseiro, de costas para o painel, do nascimento até a criança completar um ano de idade ou 10 kg. A partir de 1 ano, ele já pode passar para a cadeirinha, que é posicionada de frente para o painel, presa pelo cinto de segurança do carro.


Como estimular meu filho no primeiro ano? Devo comprar brinquedos educativos?
Estudos mostram que o melhor estímulo que uma criança pode receber no primeiro ano de vida é o contato com os pais. Simples, não? Mas é claro que os brinquedos, além de divertidos, também estimulam os pequenos. Na hora de escolher, não deixe de conferir a indicação da faixa etária e o selo de qualidade do Inmetro. Os brinquedos (da bola ao eletrônico, todos são didáticos) devem ter cores vibrantes, formas e texturas diferentes. Prefira produtos leves, sem pontas e fáceis de limpar. Não se frustre, porém, se o seu bebê preferir brincar com panelas e caixas de papelão!
Meu filho se atrai pelas luzes e pelo colorido da televisão. Co que idade posso deixá-lo assistir a programas infantis?
Segundo pesquisas, a televisão não traz benefícios às habilidades cognitivas e motoras da criança antes dos 2 anos. Mas não chega a ser prejudicial quando bem usada. Por isso, tudo bem deixar seu filho em frente à TV por algum tempo enquanto você termina o jantar, por exemplo. Os programas, no entanto, têm de ser adequados ao público infantil. Observe também se a TV não deixa seu filho muito agitado. 
Devo usar andador?
A Sociedade Brasileira de Pediatria condena o uso por diversas razões. Uma delas é porque atrasa o desenvolvimento psicomotor da criança, fazendo com que ela leve mais tempo para ficar de pé e caminhar sem apoio. E, embora ganhe mais mobilidade, gasta menos energia para alcançar o que lhe interessa. Mas o principal motivo diz respeito à segurança: o andador pode provocar graves acidentes.
Fontes: Tânia Shimoda, pediatra do Instituto da Criança do Hospital das Clínicas de São Paulo; Márcia Pradella-Halinan, neuropediatra e coordenadora de pediatria do Instituto do Sono da Unifesp; Márcia Kuriki, enfermeira-obstetra, supervisora da maternidade do Hospital São Luiz (unidade Anália Franco); Rita Callegari, psicóloga do Hospital e Maternidade São Camilo, Fátima Fernandes, pediatra do Hospital Infantil Sabará (SP), Jane Oba, gastroenterologista pediátrica do Hospital Infantil Sabará (SP), Gerson Matsas, pediatra do Hospital Samaritano (SP), Alessandro Danesi, pediatra do Hospital Sírio-Libanês (SP), Sônia Liston Colina, pediatra do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos (SP), Moises Chencinski, pediatra (SP), Wagner de Castro Andrade, cirurgião pediatra do Hospital Infantil Sabará (SP), José Claudionor da Silva Souza, pediatra e neonatologista da Maternidade Pro Matre Paulista (SP), Clery Bernadi Gallacci, pediatra da maternidade Santa Joana e professora de pediatria da faculdade de ciências médicas da Santa Casa de São Paulo;Hamilton Robledo, pediatra do Hospital e Maternidade São Camilo

Nenhum comentário:

Postar um comentário